Ganhe +15% OFF comprando no pix

Iluminação Interna

Filtros
Subcategoria
Cor Predominante do Produto
Design com Cristal?
Design com Globo?
É Articulado?
Formato / Design
Marca
Material Principal
Medida (Altura)
Medida (Largura)
Medida (Profundidade)
Possui Cúpula?
Possui Personalização?
Quantidade de Lâmpadas
Tipo de Soquete
Faixa de Preço
10 Produtos
Visualizar por:
Você viu todos os 10 produtos

A importância da iluminação

Os móveis e objetos decorativos são essenciais para compor o espaço perfeito na casa, mas além deles, as peças de iluminação são muito importantes para a construção dos ambientes. Muito além de trazer luz para a sua casa, esses itens também funcionam como parte da decoração, garantindo toques de requinte ou um lugar mais charmoso com luzes nos pontos certos! É importante procurar peças do mesmo estilo proposto para o ambiente onde serão utilizadas. Lustres não são sempre clássicos e possuem versões bem modernas com design arrojado e materiais diferentes, então esse tipo de peça possui opções para locais modernos. E nessa mesma linha, os plafons e pendentes não são sempre modernos e podem compor um espaço sofisticado e clássico, basta escolher o design e a peça certa.

A importância da iluminação

Dicas de como iluminar a parte interna do ambiente

Escolhendo a cor certa

A decoração evoluiu muito e hoje em dia existem três tipos de iluminação interna para os ambientes da sua casa. A iluminação direta, a iluminação indireta e a iluminação difusa podem ser trabalhadas de várias formas para deixar qualquer espaço perfeito com a cor certa!
Além de escolher a cor da própria peça para que ela se encaixe no ambiente e faça parte da decoração como um todo, existe também a preocupação com a cor da lâmpada e a sua temperatura já que cada uma delas têm uma função!
Se a intenção é criar um espaço mais aconchegante e convidativo, a lâmpada deve ser amarela, uma tonalidade mais quente. Essa cor é indicada para ambientes como quarto, Sala de Estar ou Sala de Jantar, mas outro ponto é que a luz amarela não altera as cores dos móveis e outras peças. Então se o ambiente tem um móvel que você gosta muito da cor ou qualquer detalhe desse tipo, invista na luz amarela.
Já para o escritório, a luz branca, que é considerada uma tonalidade fria, vai ajudar a manter o foco e atenção. Ela também funciona muito bem em banheiros, por exemplo. E é necessário saber que a temperatura e cor da luz não tem nada a ver com a eficiência energética!

Escolhendo o brilho certo

Você também deve saber os tipos de luz que existem na hora de iluminar a sua casa. Dentro desse aspecto, existe a luz direta, luz indireta e luz difusa com características muito diferentes de iluminação e com aplicações específicas que podem garantir uma decoração mais bonita e um ambiente elegante! A luz direta é direcionada para uma cantinho específico ou um objeto dentro de um ambiente. Esse tipo de iluminação é amplamente usado para destacar alguma peça de decoração e cumpre a sua função muito bem. Pode ser um móvel, uma planta ou uma obra de arte em cima de uma mesa lateral, a luz direta vai garantir que os olhares sejam atraídos diretamente para esses objetos. A luz indireta não possui foco nenhum e também não é utilizada para iluminar todo o ambiente. Esse tipo de iluminação funciona mais como uma luz de ambientação, geralmente seu foco fica oculto atrás de alguma peça como arandela de parede. E ela funciona para deixar o ambiente charmoso e acolhedor. A luz difusa tem uma espécie de filtro, confeccionado em acrílico ou vidro na maioria das vezes. A iluminação difusa não prejudica a vista e também deixa o ambiente bem confortável, então se existe alguma dúvida sobre qual tipo de iluminação utilizar na sua casa, a primeira aposta é a luz difusa.

Escolhendo o brilho certo

Criando um ambiente aconchegante

Para ter aquele cantinho mais aconchegante e convidativo, usar as peças certas e apostar em lâmpadas amarelas que ajudam no descanso e no relaxamento é extremamente importante. Isso não pode ser negligenciado em quartos, Salas de Estar e áreas da casa onde o aconchego é essencial. Também é necessário investir em iluminação de corredores internos com peças de teto e arandelas de parede, sem deixar esse espaço de lado na hora de criar um projeto de iluminação para a sua casa. Para complementar esses ambientes aconchegantes, é possível usar luminárias de chão, spots em pontos bem específicos e abajures combinados com plafons, arandelas, lustres ou pendentes de teto. Outra dica que deixa a sua casa mais confortável é a iluminação de parede interna optando por luz difusa e cores de lâmpada mais quentes. Depois disso, você só precisa escolher uma peça de iluminação para combinar com a decoração da sua casa!

Criando um ambiente aconchegante